8

O deputado Lissauer Vieira (PSD), foi um dos indicados da base aliada para participar como membro efetivo da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), criada ontem, dia 30 de junho, para investigar o transporte intermunicipal de passageiros em Goiás. “Realmente está na hora de passar a limpo a qualidade dos serviços prestados pelas empresas que transportam passageiros entre municípios. São várias as reclamações de diferentes problemas enfrentados pelas pessoas que necessitam desse modelo de transporte”, assinalou o deputado.

De acordo com o autor do projeto de criação da CPI, deputado Humberto Aidar (PT), “empresas operam há 40 ou 50 anos no segmento sem participar de processos de licitação”. Além dessa justificativa, outro argumento apresentado para a efetivação da Comissão, é a condição que se encontra alguns estabelecimentos em terminais rodoviários. “Além das empresas do transporte intermunicipal, comércios locatários em alguns terminais rodoviários, sob a gerencia do Estado, também estão trabalhando sem o devido processo licitatório, isso precisa ser regulamentado na intenção de oferecer melhores condições de trabalho a todos”, disse Lissauer Vieira.

Conforme a Agência Goiana de Regulação, órgão responsável pela fiscalização do transporte intermunicipal, 12 milhões de passageiros por ano utilizam o transporte em Goiás. A CPI aprovada, que obteve 33 assinaturas dos 41 deputados, vai começar os trabalhos em agosto devido ao recesso de julho.

Faça parte da Lista de transmissão no

Whatsapp

Receba atualizações exclusivas e tenha participação ATIVA nas discussões e pesquisas.

Faça parte da Lista de transmissão no

Whatsapp

Receba atualizações exclusivas e tenha participação ATIVA nas discussões e pesquisas.

redes sociais

siga e participe do nosso trabalho

Apoie a nossas causas, curtindo, comentando e compartilhando nossos conteúdos.

1 of 93