Durante o evento, Lissauer informou que o ex-presidente Jair Bolsonaro estará no município na próxima semana

Em um evento realizado na noite desta segunda-feira, 10, o presidente municipal do PSD de Rio Verde, Dannillo Pereira, anunciou que, em consenso, Lucivaldo Medeiros foi o nome indicado pelo grupo para compor a chapa com Lissauer Vieira (PL) à prefeitura do município. O anúncio foi feito para mais de 500 pessoas em uma coletiva de imprensa realizada no salão de eventos Carlos Vieira, no bairro Jardim Goiás.

De acordo com Danillo, que também é o atual vice-prefeito da cidade, quando o líder da chapa é bom, há muitos postulantes querendo ocupar a vice, mas ele reiterou que, após muito diálogo, a escolha de Lucivaldo foi unanimidade entre o grupo. “Todos os nomes que estavam pleiteando a vice tinham plenas qualidades, mas depois de muito diálogo e transparência, sem imposição, a escolha dele foi muito simples, até porque o nome dele é muito forte. São três mandatos a vereador sendo um dos três mais bem votados da cidade e isso não é para qualquer um, então chegamos à decisão em conjunto e estamos certos de que fizemos uma excelente opção”, ressaltou.

Lucivaldo Medeiros, vereador por três mandatos e ex-presidente da Câmara Municipal por duas vezes, é conhecido por sua atuação e liderança na área da saúde. Sua experiência, trajetória política e caráter ilibado foram destacadas por Lissauer Vieira como fatores decisivos para a escolha. “Lucivaldo é um nome de peso, com vasta experiência tanto na política quanto na administração. Sua capacidade de gestão e compromisso com o desenvolvimento de Rio Verde são comprovadas, tanto como vereador, homem público, ex-gestor do hospital municipal, da UPA aqui da nossa cidade, como uma pessoa capacitada também na sua vida profissional e nas suas atividades particulares. Ele tem um currículo que é admirado por todos, além de uma história respeitada pela população de Rio Verde”, afirmou Lissauer.

Lucivaldo Medeiros também expressou sua satisfação em compor a chapa com Lissauer Vieira. “Estou muito agradecido e vejo com muita alegria a escolha do meu nome. Eu vejo muita confiança no Lissauer e no grupo que formatamos, uma equipe bem preparada, que planeja Rio Verde para os próximos anos, porque a cidade não para. É uma metrópole que realmente merece o Lissauer como gestor. É o mais preparado e por isso a minha decisão. Saí de um grupo político, em que o atual prefeito não pode mais ser candidato e a minha decisão foi sedimentada, foi planejada com a minha equipe, com a minha família, com o meu grupo, que se tornou um grupo só, que é o grupo do Lissauer Vieira”, destacou.

O evento contou com a presença de diversas lideranças locais que manifestaram seu apoio à chapa que tem como marca “Rio Verde Pode Mais”, como o atual vice-prefeito Dannillo Pereira; os vereadores Nayara Barcelos, Sargento Ubiratan (ambos do PSD), Eder Magrão (DC) e Paulo do Casamento (PODEMOS); o ex-vice-prefeito Demilson Lima e os ex-vereadores Sargento Borges, James Borges, Elias Terra, Iran Cabral e Celso do Clube, além do ex-presidente do Sindicato Rural Luciano Guimarães, da ex-coordenadora de Educação de Rio Verde, Karen Proto e do médico Fernando Cruvinel.

Presença de Bolsonaro

Aproveitando o evento, Lissauer anunciou em primeira mão que na próxima terça-feira, dia 18, o ex-presidente Jair Bolsonaro visitará Rio Verde e participará de um encontro político em apoio à pré-candidatura de Lissauer e Lucivaldo no espaço Durigon às 10h.

Trajetória de Lucivaldo Medeiros

Nascido na fazenda Douradinho, no município de Rio Verde, Lucivaldo estudou como aluno interno no Colégio Agrícola (hoje Instituto Federal Goiano – IF Goiano) e graduou-se em Direito em 2010 pela UniRV (Universidade de Rio Verde). Casado, é pai de duas filhas. Trabalhou como diretor administrativo do Hospital Municipal e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), de 2009 a 2012.

Em 2012 foi eleito como o vereador mais votado daquele pleito, com 2.454 votos. Em 2016 foi reeleito vereador com 2.437 votos, o segundo mais votado. E novamente, em 2020, foi reeleito como o terceiro mais votado com 2.290 votos. Foi presidente da Câmara por duas vezes, de 2017 a 2018 e de 2020 a 2021.

Faça parte da Lista de transmissão no

Whatsapp

Receba atualizações exclusivas e tenha participação ATIVA nas discussões e pesquisas.

Faça parte da Lista de transmissão no

Whatsapp

Receba atualizações exclusivas e tenha participação ATIVA nas discussões e pesquisas.

redes sociais

siga e participe do nosso trabalho

Apoie a nossas causas, curtindo, comentando e compartilhando nossos conteúdos.

1 of 95